PROGRAMA DE INCLUSÃO DIGITAL

Para contribuir com o processo de inclusão digital da população, o Governo Participativo de São Carlos incluiu em suas políticas públicas o “Programa de Inclusão Digital – PID”, coordenado pela Fundação Educacional São Carlos, visando a construção da sociedade da informação em nosso país e possui as seguintes diretrizes de ação:

Adoção do modelo de acesso comunitário compartilhado, através da instalação de telecentros, denominados Postos de Inclusão Digital – PID, nas diferentes regiões e bairros do município, com priorização para localidades com baixos indicadores sociais, utilizando os espaços públicos existentes e projetados (escolas, bibliotecas, centros comunitários, loteamentos sociais, etc), aliados a outros possíveis espaços concedidos pela comunidade;

Implementação de projetos e ações articuladas entre as unidades da administração municipal direta e indireta (secretarias, fundações, autarquias e empresas);
Implementação de iniciativas e projetos para a participação do município nos programas governamentais de inclusão digital, nas esferas federal e estadual;
Construção colaborativa de uma sociedade em rede em nosso município, através do estabelecimento de ações conjuntas e parcerias com instituições públicas, privadas e organizações não governamentais locais, regionais, nacionais e internacionais.

O programa pretende alcançar os seguintes objetivos gerais, através das ações da rede de postos de inclusão digital:

Oferecer formação básica em informática, que permita a aquisição de conhecimentos e habilidades específicas para o uso de computadores e da Internet, aliando conteúdos e habilidades básicas para o exercício da cidadania;
Propiciar o uso livre dos computadores e softwares instalados, para a realização de atividades pessoais, escolares e profissionais, com monitoria para orientação e supervisão;
Propiciar acesso e uso da internet, para fins de informação, comunicação, realização de serviços oferecidos pela rede e criação de conteúdos locais ou comunitários;
Oferecer projetos de iniciação profissional e de enriquecimento educacional, baseados no uso da informática e da Internet.

AS PARCERIAS
O Executivo Municipal, através dos gestores públicos das unidades participantes do Programa de Inclusão Digital – PID,  realizará  iniciativas visando o estabelecimento de parcerias com instituições públicas, privadas e organizações não governamentais para a implantação e manutenção dos Postos de Inclusão Digital.
A instituição parceira optará pela sua colaboração, em numerário, em espécie ou em serviço, que será formalizada através de um instrumento jurídico apropriado para cada situação e, em contrapartida, poderá obter vagas para atendimento de grupos específicos de usuários nos cursos e projetos de capacitação em informática básica e Internet, de desenvolvimento educacional e cultural e de iniciação profissional ou negociar outras condições e ações, que julgue adequadas ao alcance dos objetivos propostos e do público a ser atendido.